Arquivo

Archive for the ‘Lição de Vida’ Category

Homem Aranha salva menino especial !

 

Um bombeiro tailandês, Somchai Yoosabai, vestido de Homem-aranha, salvou um rapaz de 8 anos que se estava prestes a lançar do 3º andar.

Míudo é salvo por bombeiro Homem-Aranha 

Míudo é salvo por bombeiro Homem-Aranha

Era o primeiro dia do míudo numa escola para crianças especiais. O rapaz é autista e então previa-se uma melhor adaptação. No entanto, o rapaz saiu da sua sala de aula e, sem ninguém dar por nada, pendurou-se na janela do lado de fora.

Aí começou a chorar. Quando os professores tentaram chamá-lo, ele ignorou. Foi então que chamaram os bombeiros.

A mãe informou os bombeiros que o filho era um grande fã de super-heróis e então um dos bombeiros apareceu vestido de Homem-Aranha.

“Parece incrível, mas o menino lançou-se-lhe nos braços assim que o viu”. relatou Virat Boonsadao, um dos envolvidos na operação de salvamento.

Então a operação resume-se ao bombeiro vestido de Homem-Aranha ter subido até ao 3º andar onde estava a criança, e disse

“Estou aqui para te salvar, nenhum monstro te irá atacar. Anda devagarinho na minha direcção, já que se fores rápido pode ser perigoso”, disse Somchai Yoosabai.

O rapaz imediatamente sorriu, levantou-se e dirigiu-se para os braços do bombeiro, vindo a ser salvo.

Categorias:Lição de Vida

Até onde você iria por um filho (deficiente) ?

 

Já vi coisas , pessoas , seres e lindas histórias , algumas até contadas em filmes super produzidos.

Porém há alguns anos atrás , ví essa história verídica em um site americano. Nunca mais esquecí.

Uma história que ja chegou ha muitos telejornais , ganhou fama no mundo todo , porém vou mostrar aqui os detalhes que fizeram a mesma ganhar tal repercução mundial.

Quem tem filho especial como nós , entende o valor dessa matéria aqui postada.

E se o seu filho fosse especial ?  Até onde você chegaria para torna-lo feliz ? por JHC

 

Esta história é REAL e começou em Winchester,  nos Estados Unidos da América, há 43 anos atrás.

Foi então que Rick, ao nascer, foi estrangulado pelo cordão umbilical durante o parto, fazendo com que o cérebro sofresse danos irreversíveis. Uma lesão cerebral incapacitou-o de controlar os membros do corpo.

Os médicos disseram rapidamente:

Rick irá ser um vegetal para o resto da vida. Deverá ficar numa instituição.”, disseram quando Rick tinha 9 meses.

O seu pai Dick, e a sua esposa Judy, tomaram uma diferente opção.

Com o passar do tempo, os pais repararam que os olhos do filho Rick, os seguiam pela casa. Algo se passava naquele cérebro.

Quando Rick fez 11 anos, levaram-no ao departamento de engenharia da Tufts University para tentar saber se ele poderia, de alguma forma, se comunicar.

Depois de testes e análises a conclusão foi devastadora:

Não há qualquer hipótese para Rick comunicar.”

Seu pai, como sempre, desafiou.

Contem-lhe então uma anedota.”, disse Dick.

E eles assim fizeram. Na cara de Rick, o filho, apareceu um sorriso…

A partir daí, as coisas evoluíram.

Adaptaram um computador ao corpo e à cadeira de Rick para que ele pudesse se comunicar.

Depois de algum treino, sairam então as primeiras palavras:

GO BRUINS!”

É o grito de equipe da Universidade da Califónia. E foi assim que Rick começou a se comunicar.

Passado algum tempo, um estudante ficou paralítico após um acidente e a sua escola organizou uma corrida para a recolha de fundos. Rick soube desse evento e escreveu para o pai através do tal computadorzinho:

Pai, eu quero participar.”

Como poderia Rick, o filho, sem conseguir se mexer, participar, pensou o pai…

O pai, “gordo que nem um texugo”, como ele próprio dizia, nunca tinha corrido mais do que um quilómetro sozinho. Quanto mais a empurrar alguém por 8 quilómetros!!!

Desafiando-se a si próprio, e a todo o seu corpo e físico, o pai Dick decidiu tentar correr essa mini-maratona empurrando o filho.

Daquela vez fui eu o inválido.”, lembra Dick, “Fiquei cheio de dores durante 2 semanas.”

 

Mas conseguiram. Ambos terminaram a corrida. Um evento que viria a mudar a vida de Dick, Rick e a dar uma mensagem ao mundo.

Quando terminaram a corrida e vieram para casa, Rick correu para o seu computador e escreveu:

Pai, quando nós estávamos a correr, eu me senti como alguém sem qualquer deficiência.”

Tal frase mexeu fundo na cabeça do pai. Mexeu de tal forma que o pai decidiu dar ao filho essa sensação sempre que pudesse.

Quando, em 1979, Rick ouviu falar da Maratona de Boston, não de 8, nem de 21, mas de 42 quilómetros , quis entrar !

O homem que nunca tinha corrido mais de 1 quilómetro seguido queria correr 42 quilómetros, empurrando ao mesmo tempo o seu filho !

É impossível !”, disse um dos organizadores da corrida.

É que pai e filho não eram um só corredor, como é obrigatório, e também não se enquadravam na categoria dos corredores de cadeira de rodas.

Mas Rick não desistiu. Durante alguns anos, ambos entravam simplesmente na multidão e corriam. Participavam de qualquer jeito, sem pensar se podiam ao não. Claro que não tinham medalhas, camisetas, não estavam inscritos, mas isso era o menos importante para eles. O prémio era incrivelmente superior para cada um deles.

No entanto, em 1983, eles já tinham corrido tantas vezes e terminado com sucesso as maratonas, que o seu tempo permitiu qualificá-los para participar então na tal Maratona de Boston.

Durante vários anos, assim eles iam na maratona e superavam tempos e limites, nunca antes imaginados.

Mas alguém veio colocar um desafio AINDA mais acima. Sugeriram Triatlo. Triatlo é uma prova composta por 3 actividades: corrida, natação e bicicleta.

Dick, o pai, não sabia nadar ! Dick não andava de bicicleta desde os 6 anos de idade ! Como fazer tal prova poderia ser possível, ainda por cima, carregando o seu filho de 50 quilos?

Achou que seria impossível. Mas, como sempre, Dick, um pai extraordinário, tentou. Tudo pelo seu filho.

Ultrapassando a barreira do impossível, ambos, pai e filho concluiram assim uma prova de triatlo.

Mas havia uma prova de triatlo que superava tudo. É a prova chamada de IRONMAN.

IRONMAN é uma prova que é composta por 8 km de natação, 180 km de ciclismo e 42 km de corrida, que demora 15 horas sem parar em esforço super intenso.

Pouca gente no Mundo conseguiu concluir essa prova ! Mas Dick estava determinado a fazê-la.

E Dick não iria completar sozinho… mas carregando o seu filho Rick !

A alegria do seu filho ao completar as provas era tão grande, que o seu pai tentava o impossível. A medalha era o sorriso de Dick.

Eu entro nas competições para poder ter o grande sorriso que temos enquando corremos, nadamos e pedalamos juntos.”, disse o pai.

 

A determinação de ambos foi tal que os resultados são impressionantes.

 

Rick, com 43 anos, e Dick, com 65 anos, entraram na 24ª Maratona de Boston e concluiram-na na posição 5,083, entre os mais de 20,000 participantes.

O seu melhor tempo de maratona é de 2 horas e 40 minutos, batido em 1992. Este tempo é 35 minutos acima do que o recorde mundial!! Recorde este que foi feito por um homem que corria sozinho, como é normal.

O meu pai é o Pai do Século.”, diz Rick.

E agora, para teres uma ideia, ambos já completaram 984 provas ! Eis algumas das distâncias já percorridas:

  • 229 Triatlos
  • 6 Ironman
  • 20 Duatlos
  • 66 Maratonas, 26 Maratonas de Boston
  • 84 Meias maratonas
  • 212 vezes — 10 quilómetros
  • 108 vezes — 5 quilómetros

 

 

 

 

Eles foram humilhados , pessoas achavam que o pai (Dick) queria apenas se promover , mas as pessoas são mesmo assim , jamais fazem algo por seu filho querido , e quando você o faz , é criticado de uma forma triste e caótica ! por JHC

 

 

Na vida nada é por acaso , só tem filho especial quem Deus escolhe , esses filhos queridos de uma forma só deles , conseguem retribuir todo carinho neles depositados … eles são os nossos anjos protetores o tempo inteiro ! por JHC

 

Foi oque aconteceu na vida de Dick , devido ao hobby do filho ele conseguiu se livrar da morte …

Há alguns anos, Dick teve um pequeno ataque cardíaco durante uma corrida. Os médicos descobriram então que uma das suas artérias estava 95% entupida. As conclusões que chegaram foram que se não se tivesse colocado em forma, poderia ter morrido uma década antes.

Rick hoje tem o seu próprio apartamento e trabalha em Boston. É acompanhado regularmente por médicos devido ao seu estado de saúde.

Dick reformou-se do exército e vive agora em Holland, no estado de Massachussets.

Ambos dão palestras e continuam a participar de provas e competições.

Mas, depois de tudo o que o seu pai fez, Rick tem ainda um sonho:

Gostava de um dia poder empurrar o meu pai na cadeira de rodas. Pelo menos uma vez.”, escreveu Rick.

 

Depois da história e das imagens, aqui tens os vídeos e as reportagens:

O video que comoveu quase o mundo inteiro :

Entrevista em Inglês : ( O pai ainda chora comovido pela história de amor pelo filho)

Entrevista em Português :  (Fantástico)

 

Meus parabéns a todos os pais especiais do mundo todo , com certeza fazemos parte de um plano nessa vida , com certeza Deus sabe de nós e o quanto somos fortes para amar um filho não importa como e de que forma… por JHC

Categorias:Lição de Vida